domingo, 3 de outubro de 2010

Frustração...

Expectativas em vão...
Apoiar-se "naquele" que te deixarás cair...
Puxam-lhe o tapete...
Contragolpe do "não-proferido"...

03/10/2010, 03:05h.

O pior é quando você percebe antecipadamente...
E prossegue acompanhando toda decadência.

Zombar-te-hão por sua derrota, pelo seu fracasso.
E do pouco que restou...

Pena...

Estado de coma de todos os sentimentos.
A espera de um "Milagre"...
Desnorteado...
Estranho em terras conhecidas...
Vazio...
Frio...
Sozinho...

Reflexão involuntária...

Por quê???
Para que???
Maldade???
Descaso???
Destino???

...

As raízes devem ser profundas...
Resistentes as intempéries mundanas...
Ainda que fragmentado...
Resista e não perca seus valores, seus ideais!!!

Sejas forte!!!
Confiante!!!

Por mais loucas as idéias pareçam ser...
Não existem moldes e/ou padrões.
O sucesso é polimórfico
Como quiserdes...

Paga-se o preço...
Carnal e Etéreo...

Estás preparado???
De lamentações o Mundo está cheio...
Todos os Sinais são revelados...

Vê-los, Ouvi-los e Senti-los.

A troca é certa!!!
Justa!!!
"Isto" por "aquilo"...

E aí???
Pronto???

O arrependimento é o sangramento pela ferida aberta...
Ocasionado pela Ação...
Deve ser estancado de imediato...
Ou sucumbirás.

Não espere!!!
Concentre-se!!!
Ouse!!!
Busque!!!
Conquiste!!!

Autoestima e principalmente autocontrole.


Ainda que sozinho, permaneça em seu caminho...


Você tem o controle.

Você está no controle.